Criação de nomes

O nome diz tudo

O nome é aquilo pelo qual uma marca é lembrada. Uma empresa pode mudar o logo, o símbolo e o design de seus produtos, mas raramente muda de nome.  Quem tem um bom nome pode gastar menos em publicidade, porque o seu nome é a sua publicidade. Quando os gurus da Lexicon, uma empresa de naming, viram o celular da RIM – Research in Motion – com seu teclado de pequenos botões, que lembrava sementes, imediatamente pensaram: Strawberry. No entanto, “straw” era uma sílaba que não apresentava a conotação de velocidade desejada para o produto; Blackberry foi o nome sugerido, pela associação do som do “b” com confiabilidade.
 

Qualcomm é a soma de quality e communication; Verizon lembra horizon; Viagra, viril e aggressive; Intel, Intelligent e Electronics. Os nomes podem ser referenciais que homenageiam fundadores como Nestlé, Ford, ou cidades de origem como Evian; acrônimos como IBM, 3M, EMI; funcionais como General Motors, British Petroleum; inventados como Google, Exxon; experimentais como Fidelity para uma empresa de investimentos ou Land Rover para um veículo 4 X 4; e, ainda, evocativos como Jaguar, Mach3 (uma homenagem a uma força-tarefa norte-americana).

 

A Ideia Visual criou o nome ABRAFESTA para a Associação dos Profissionais, Serviços para Casamentos e Eventos Sociais. Abrafesta lembra Associação; tem-se a ideia de abrangência BRA (Brasileira) e fica evidenciado o core business (FESTA). O nome tem duas partes (ABRA + FESTA) que sugerem todos os serviços preparatórios para a realização com sucesso do evento. Criação de nome e de marca.
 
A Ideia Visual sugeriu dois nomes para um projeto voltado a dar esclarecimentos para a sociedade civil sobre crianças e jovens com transtornos específicos de aprendizagem (TEA), e, em especial, sobre a dislexia e a discalculia. Os nomes sugeridos foram: DIFERENTE/MENTE e INDIVIDUAL/MENTE, que traduzem a diferença das habilidades metacognitivas de cada uma das pessoas e individualiza o percurso de aprendizagem. Criação de nome e de marca.

 

O nome COZINHA CULTURAL foi criado para o site do jornalista especializado em gastronomia e professor universitário Arnaldo Lorençato. Colaborador de diversas revistas especializadas e atualmente editor de gastronomia da revista Veja São Paulo, Arnaldo é antes de tudo um investigador da cultura brasileira manifestada no gosto e no espírito humanos, conduzindo processos de pesquisa que vão muito além da gastronomia. Criação de nome e de marca.

 

SOLAR EAR foi o nome internacional criado pela Ideia Visual para um aparelho auditivo com baterias recarregáveis por energia solar com baixíssimo custo (R$ 300,00) em relação aos aparelhos convencionais (entre R$ 1.000 e R$ 10.000). Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), 300 milhões de pessoas no mundo têm surdez total ou parcial, sendo que mais de dois terços delas estão em países pobres, sem acesso ao aparelho.
 
O projeto humanitário emprega jovens surdos brasileiros na montagem dos aparelhos e pretende ser replicado em outros países, o que exigiu um nome universal. Criação de nome e de marca.

 

NEOBAND foi o nome criado para o problema de impossibilidade de manutenção do nome Bandeirante (Bureau Bandeirante), que já existia há 15 anos, porque seus objetivos sociais foram ampliados para serviços gráficos, colidindo com empresa homônima já estabelecida.
 
Sem perder a lembrança de marca, pelo termo reduzido “Band”, o novo “prenome” “Neo” era em si a própria expressão de novidade, de novos caminhos.
 

Hoje, a NeoBand expandiu seus serviços para as áreas de Sinalização, Comunicação Visual e de produção de peças de PDV. A NeoBand é cliente da Ideia Visual há 21 anos. Criação de nome.